Validar
 
Home arrow História

Eventos

Nenhum evento

Newsletter






História da Assicom Imprimir e-mail

Aos 18 de Julho de 1932, na Cidade do Funchal, um grupo de Mestres de Obras juntou-se e, formaram a Associação de Classe dos Mestres de obras e Empreiteiros da Madeira.

No mesmo ano, mais precisamente aos 13 de Agosto de 1932, através de Alvará assinado pelo então Presidente da República Portuguesa, António Óscar de Fragoso Carmona, foi dado o cunho oficial à formação da então denominada Associação da Classe dos Mestres de Obras e, no mesmo Diploma ao abrigo do artigo 3° do Decreto de 9 de Maio de 1891, foram aprovados os Estatutos dos MESTRES DE OBRAS E DOS EMPREITEIROS DA MADEIRA, que eram, à data, constituídos por onze capítulos e cinquenta e três artigos.

Por força das circunstâncias políticas de então, passou a Associação de Classe dos Mestres de Obras a designar-se como GRÉMIO REGIONAL. Posteriormente, com a extinção dos GRÉMIOS, designou-se como ASSOCIAÇÃO DOS INDUSTRIAIS DE CONSTRUÇÃO DO ARQUIPÉLAGO DA MADEIRA, tendo, com as alterações decorrentes da actualizaçãoo dos Estatutos deforma a adequá-los a realidade sócio económica, passando a designar-se, ASSICOM ASSOCIAÇÃO DA INDÚSTRIA ASSOCIAÇÃO DA CONSTRUCÃO-REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA.

Aos 23 de Abril de 1987 através da Resolução n° 495/87 do Conselho do Governo da Região Autónoma da Madeira, foi a ASSICOM declarada como INSTITUIÇÃO DE UTILIDADE PÚBLICA.

A ASSICOM, na qualidade de Parceiro Social, negoceia com os vários Sindicatos representativos dos sectores que englobam as vastas áreas da Construção Civil e Obras Públicas dos Contratos Colectivos de Trabalho. Com a verticalizaçãoo do CCTV-Contrato Colectivo de Trabalho Vertical-Construção Civil, Juntaram-se, neste CCTV, a Construção Civil, Carpintarias, Marcenarias e Serrações, Cerâmica e Olarias, Motoristas da Construção Civil, Sector de Electricistas, Técnicos de Desenho, Industria Vidreira, Técnicos de Topografia, Industria de Mármores e Pedreiras de Britas e o sector de Hotelaria na Construção Civil. Negoceia ainda, em separado, o Contrato Colectivo de Trabalho para os Empregados de Escritório e Caixeiros, assim como o Contrato com os Metalúrgicos e Metalomecânicos.

A ASSICOM, representa o Governo da RAM no IMOPPI-Instítuto de Mercado de Obras Públicas e Particulares e do Imobiliário, Instituto esse que regulamenta toda a actividade exercida pelos Empresários ligados aos vários sectores da Construção Civil, Obras Públicas e Imobiliária, e concede os Registos, Certificados de Classificação, e Licenças de Agente de Mediação Imobiliária.

Nesta qualidade, de membro do IMOPPI, e Associação representativa do sector, a ASSICOM, tem através de Reuniões realizadas nos vários Concelhos da Região, em que aglutina as várias Empresas Associadas e não Associadas sedeadas nesses Concelhos, e o respectivo Presidente da Câmara, procurando informar e sensibilizar todas as partes intervenientes, da necessidade de se legalizarem e as Entidades Licenciadas serem mais exigentes quando procedem aos respectivos licenciamentos, através da exigência de Certificados de Classificação que sejam perfeitamente compatíveis com o tipo e valor de obras a executar.

Neste périplo que a Direcção da ASSICOM tem realizado pelos Concelhos da Região, tem incentivado as Empresas, a investirem na higiene e segurança no trabalho, fazendo notar que é um Investimento que tem o seu retorno, na medida em que, além de evitarem graves acidentes de trabalho, que Infelizmente, por vezes arruínam famílias, dado ser o trabalhador o sustento das mesmas, assim como as pesadas colmas daí resultantes.

Entre os vários organismos de que a ASSICOM é parte integrante, destaca-se o Conselho Superior Associativo e a AREAM. Visando proporcionar uma melhor funcionalidade das empresas associadas junto de Instituições bancárias, empresas de comunicação e outros parceiros sociais, a ASSICOM, assinou vários Protocolos de Colaboração com essas Entidades. Visando sempre proporcionar a sua massa associativa uma mão-de-obra mais qualificada, de forma a que as Empresas possam encarar o futuro de uma forma mais consentânea com a realidade e exigências em termos tecnológicos, a ASSICOM, em conjunto com a. Direcção Regional de Formação Profissional e uma empresa de formação, tem, permanentemente, a decorrer cursos de formação e aperfeiçoamento profissional, tanto para activos como para Jovens à procura do primeiro emprego. Após a conclusão dos mesmos, os formandos à procura de primeiro emprego procedem a estágio junto das empresas associadas.

A ASSICOM em 1982, por ocasião das comemorações do seu cinquentenário, realizou, na Madeira, no Campo do Almirante Reis, a 1ª Feira da indústria e da construção, sendo pioneira na realização de tais eventos.

Por questões de ordem logística, passou, posteriormente, a realizar os seus certames na Escola Secundária de Francisco Franco. Após um curto interregno e após a conclusão da construção do Madeira Tecnopolo, passou, em definitivo, a realizar a FIC-Feira da Industria e da Construção nessas instalações, mais precisamente no CIFEC - Centro Internacional de Feiras e Congressos.

Visando proporcionar aos associados que, durante uma árdua vida de trabalho deram todo o seu melhor em prol desta Região Autónoma, não só através da realização de obras que, de algum modo irão perpetuar, tanto os seus nomes como as suas empresas, como também através da criação de postos de trabalho, gerando desta forma riqueza e estabilidade social, a ASSICOM, tem, em curso, um projecto para construção de um Lar de Dia, onde todos possam, de uma forma salutar, repousar e conviver.

 

Eventos

« < Setembro 2017 > »
S Q Q Q S D D
28 29 30 31 1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30 1
Gosta do novo Site da Assicom?